Cães TOY , microtoy

Cães TOY , microtoy

Petescadas com múltiplos degraus (7), ideal para cães pequenos (toys, microtoys, etc.) Leia mais

Rampas, Rampas especiais

Rampas, Rampas especiais

Rampa, Petrampa em L Projeto desenvolvido de uma rampa PETrampa com medidas e condições especiais. Leia mais

Quarto de casal

Quarto de casal

Como obter a melhor opção para manter seu filhote no quarto do casal com conforto e sem destruir a harmonia do ambiente. Leia mais

Cadeirinha para megaesofago

Cadeirinha para megaesofago

Petescadas desenvolveu uma peça extremamente leve, confortável para a permanência do cão por períodos longos. Leia mais

Cama box casal, medidas

Cama box casal, medidas

Uma solução inovadora surge para atender necessidades de locais com limitações de espaço. Leia mais

hoteis pet friendly - como ganhar clientes


Cães em hotéis como atrair clientes


cães em hotéis

Cada vez mais os hotéis perceberam o grande filão de donos de cães como clientes de hospedagem, mas ainda estão insipientes com as realidades do mundo canino. 
A grande maioria tem a politica do "Eu também" ou seja ainda tratam como uma condição e não um diferencial.

Muitos hotéis ainda parecem acreditar que algumas coisas são um gosto para quem tem cães, mas não são. A grande surpresa é que alguns hotéis solicitam que o hospede leve a caminha ou oferecem uma cama para os cães, mas a imensa maioria dos donos amantes de seus cães dorme na cama com os cães, os donos querem o contato com o cão e com a natureza, seja em pousadas, em praia ou mesmo cidade.

Os donos de cães sofrem de uma sensação de abandono por não poder ficar mais tempo com seu cão, pois muitas vezes são muito ocupados na semana ou trabalho, são celebridades ou mortais que trabalham demais, este sofrimento dos donos pela separação é a chave para a diferenciação, se querem dormir com seus cães, facilite com classe e diferencie.

cama alta para cães

as camas são sempre altas para maior conforto dos hospedes

escadas para cães em hoteis

rampas ou escadas são necessários para acesso de cães

Hotéis na Europa tem incentivado o uso de escadas e rampas junto as camas como um serviço adicional, trocam o uso por uma selfie nas redes mostrando a foto da rampa na cama e o nome do hotel, quem não conhece o uso simplesmente vai amar e quem já conhece vai adorar poder ter seu cão em sua cama com segurança durante sua estadia.

hoteis pet friendly

selfies de divulgação são a febre nas redes sociais

Academias no hotel para cães com área de selfies, são uma ótima pedida como diferencial e como forma de baixar a energia e ansiedade dos cães seja pelo stress da viagem ou por estar em local diferente de seu habitat, cães necessitam gastar energia.......

hotéis petfriendly

academias são perfeitas para fortalecimento de animais de serviço
exemplo cães guias

hotéis petfriendly

pranchas de oscilação em formato de prancha de surf

donos de cães adoram tirar fotos de seus cães e isso esta se transformando
em uma politica de divulgar o hotel 

selfie em hotéis pet friendly

explore a publicidade grátis com selfies e redes sociais divulgando
seu estabelecimento

rampas para piscinas ou tanques, para segurança do cão, imagine correndo atras de um 
passarinho ou brinquedo pode se transformar em um problema

rampa para piscina hoteis petfriendly

rampas para veículos acesso de cães, descer de carros, 
a grande maioria são SUV

cão descendo em carro hotel petfriendly

cão na chegada

rampas para hoteis

descer com segurança o hotel tem disponível uma rampa
para descer e subir no carro

Os hoteleiros experientes entenderam que o caminho para o coração de seus convidados é através de seus animais de estimação. Quando sua família está saindo de férias ou sendo realocada, você não quer deixar ninguém para trás. Se a família incluir um amigo de quatro patas, tenha clareza em dar as boas vindas. 

Partir de férias pode ser difícil para os donos de animais, se isso significa que eles têm que deixar seus cães para trás. Os hóspedes que estiverem viajando com animais de estimação estarão ansiosos para saber onde estão localizados parques, trilhas e locais para cães que ficam nas proximidades. 

Acesso aos locais é a tendencia aos moldes da Europa onde cães tem acesso normal
aos restaurantes petfriendly

restaurantes petfriendly


Alternativas legais para impressionar seu cliente com cães

a grande maioria das camas em hotéis são do tipo box e são altas, pular deste tipo de cama é um grande risco de lesão para os cães, imagine uma lesão
durante a estadia, vai gravar que foi no seu hotel

cama hotel pet friendly
veja como as camas são altas para pular

opções que podem ser adotadas em seu hotel 


rampa petfriendly

opção em rampa, ideal para cães que tem lesões, são muito
pequenos, estão obesos, idosos ou doentes

escada hotel para cães

extensão de cama é uma ótima opção para cães que não
gostam de ficar a noite toda na cama de seus donos

escadas hotel petfriendly

modelo em escadas para cães saudáveis

não importa a necessidade Petescadas tem o modelo certo para a sua aplicação

what 41 987269100
41 33727306
petescadas@gmail.com

cães e uso de escadas




Cães e escadas

Os cães podem subir e descer escadas? 

A maioria deles pode ... mas alguns não podem e alguns não devem. 

escadas para cães em cama box

Os cães não têm nenhum problema em subir ou descer escadas ou rampas mesmo pequenos, e à medida que os cães crescem, os riscos vão se acentuando se não usarem escadas ou rampas. Alguns cães tem medo de subir escadas e alguns podem subir as escadas com facilidade, mas temos que ter em mente que 90% das lesões esta na descida.


Cães não compartilham o mesmo centro de gravidade que as pessoas. 


Normalmente, a metade da frente é onde esta colocado a maior parte do seu peso  e navegar por um lance de escadas pode ser extremamente perigoso para um cão maior, mesmo se este cão estiver usando essas escadas. 

 uma medida usual é dizer que mais que 60% do peso fica sobre as patas dianteiras 
do cão devido a:
pescoço e a cabeça a frente e na traseira temos a cintura mais fina

como consequência o centro de gravidade do cão se modifica

medico veterinário

agora na próxima imagem temos um cão descendo, onde seu pescoço fará
grande esforço, e será atraído para baixo
isso sobre uma escadas de madeira e estável, imagine agora sobre um material
instável e mole

cão descendo escada

isto também ocorre pelos degraus serem curtos, a escada fica curta e muito inclinada
somando instabilidade com degrau curto temos a formula da queda
escadas para cães sem qualidade
este tipo de escada é muito instável pois não tem apoio suficiente no piso
além de muito inclinada

escadas de espuma

instável por ser material muito mole, 

escada degrau curto
instável por ter degrau muito curto fazendo o cão usar de lado
terminando em ter de pular no meio da escada

agora coloque isso na pior condição que é quando
o cão sai em disparada porque toca a campainha, alguém chegou,
um barulho ou é hora da brincadeira


temos que ter em mente que a coluna do cão é na horizontal
coluna dos cães

e isso representa a facilidade que pode ser lesionada com um salto

defeito na coluna dos cães

e muitos dos nossos cães não tem a coluna reta como diz a tal
de padrão da raça, fazendo que com isso os espaços entre as vértebras sejam
 diminuídos elevando os índices de lesões

um grande número de cães tem o padrão rebaixado
padrão da raça shih tzu

no padrão deveria ser reta, já no mundo real?

cães com lesão de coluna

na realidade é rebaixada a frente, com patas mais curtas do que deveria
se o comprimento da pata dianteira for menor que a altura do degrau, deve usar rampa,
esta medida é do peito ao piso.

rampas para cães cama box

Assim como as pessoas, se um cão cair nos degraus, o risco de fratura em um osso é bastante alto. E o risco de cair nos cães é muito maior do que na pessoa padrão.
A alternativa das escadas, é uma rampa. 
Se você não pode colocar uma rampa, tente descobrir algo para ajudar a manter seu cão seguro. Ou mova seu cão para uma área que não requeira o uso de escadas e rampas diariamente. 

rampas para cães

Os cães ao pularam do sofá podem sofrer fraturas
Imagine o que cair nos degraus pode fazer. Embora seja relativamente fácil ensinar ao seu cão como subir e descer os degraus, garantir que eles estejam seguros ao fazer isso é outra história. (principalmente você precisa de escadas e rampas de qualidade)



fatores de qualidade de escadas e rampas
material estável não mole
impermeável
degraus profundos
largura compatível com o porte do cão
altura compatível com o móvel a alcançar

rampa cama alta

Alguns cães são super ágeis e podem se mover facilmente, mas alguns cães não possuem a mesma flexibilidade e têm dificuldade em subir e descer um degrau, muito menos um lance de escadas. Lembre-se como seu cão envelhece, a visão deles não melhora, fica pior ... então ser capaz de visualizar o próximo degrau pode ser problemático e fazer com que seu cão caia na escada.

Muitas escadas são colocadas em camas e tem seu uso a noite, muitas vezes no escuro ou com pouca luz, imagine usar um material instável e no escuro

escadas de espuma

Em seu ambiente natural, os cães não sobem escadas, por isso é um processo antinatural para eles fazerem isso em uma casa. Se o seu cão está acima do peso, pode ser que ele ponha a barriga sobre o degrau para avançar para o próximo, deixando às vezes arranhões na barriga fazendo isso repetidas vezes. 
escadas cães patas curtas


Isso acontece em escadas com degrau pequenos e poucos profundos, ou usa uma escada com degraus mais profundos ou uma rampa

No processo de descida também temos este fato, a possível queda pode levar a fratura de maxilar, especialmente em cães focinho curto. 

Os cães também têm predisposição para a artrite, portanto, sabendo que a artrite faz com que as articulações fiquem doloridas e às vezes são difíceis de usar, ter que subir escadas nos dias mais frios também pode ser problemático para cães maiores / mais velhos.

colchão cama box escada

Usar uma rampa é a melhor maneira de garantir que seu cão esteja seguro, em vez de esperar que eles possam utilizar escadas que podem ser traiçoeiras. Treinar seu cão para usar uma rampa é relativamente fácil na maioria dos casos e diminui o risco de seu cão ter uma queda e ter que ser tratado por um longo período. Você precisa ter certeza de que o ângulo não represente um risco também, então estender o comprimento total além do comprimento das escadas pode ajudá-lo a realizar um ângulo que não coloque seu cão em risco de queda, baixa inclinação. 
visão aberta entre degraus


cães em escadas de prédio

escadas abertas, são um martírio para cães, eles não se sentem seguros em usar,
a falta do espelho cria a sensação de estar sem um apoio.

escadas tubinho

a mesma sensação de vazio ocorre em escadas baixas que não tem apoio
o cão não compreende se é seguro ou não

medo de altura

é uma sensação parecida quando um humano pisa sobre o vidro em alturas,
o cérebro reage protegendo o animal ao indicar como risco

escadas cães grande porte

petescadas não tem limite de peso para cães

Fraturas da região distal do úmero do cotovelo e fêmur são as fraturas mais comuns. 
Estes ocorrem de saltos de móveis (úmero distal), mordidas de cães (área do cotovelo), contenção (área do cotovelo e fêmur), chutes equinos (fêmur) e outros traumas. 
O reparo via pinos, parafusos, placas e dispositivos externos restaura com sucesso uma certa amplitude de movimento se as fraturas forem imobilizadas adequadamente e se qualquer inflamação for controlada. adequadamente. 
evitar é a melhor solução.
O que você faz se seu cão sofreu uma lesão ou fratura?


Uma fratura refere-se a uma ruptura ou rachadura em um osso. 
Existem vários tipos diferentes de fraturas, e cada tipo tem diferentes complicações e métodos de reparo. Seu veterinário pode ajudá-lo a decidir a melhor forma de corrigir a fratura e se o encaminhamento a um especialista é apropriado para do seu cão. 
Embora a imobilização permita que um pequeno número de fraturas se cure, a maioria requer cirurgia para garantir o melhor resultado. Algumas espécies de animais sempre requerem cirurgia nas fraturas da pata dianteira devido à alta taxa de falha da imobilização. 

lesões em cães


Tipos de fratura 
Fratura fechada: fraturas em que não há ferida externa relacionada.

Fratura aberta (anteriormente conhecida como composta): 
fraturas associadas diretamente com feridas abertas (o osso pode ou não ser visível através da ferida).

Luxação: uma lesão nos tecidos conjuntivos que mantém uma articulação em posição que resulta no deslocamento de um osso na articulação.

Entorse: uma lesão de uma articulação, ligamento ou tendão na região de uma articulação. Envolve rasgo parcial ou alongamento dessas estruturas sem deslocamento ou fratura.

Outros tipos de lesões ortopédicas podem envolver ligamentos rompidos, particularmente no joelho. Muitos cães obesos mais velhos irão rasgar o ligamento cruzado cranial em seu joelho, o que resulta em uma perda súbita do uso da perna e dor nas articulações e inchaço no joelho. A estabilização cirúrgica é o melhor meio para reparar essa lesão.


O que fazer
Antes do tratamento, devem ser tomadas precauções para evitar lesões por mordedura no prestador de primeiros socorros. Contenha seu animal de estimação.


Pare o sangrar com pressão direta.
As fraturas expostas devem ser cobertas com um curativo de gaze estéril, se possível. 
Se isso não estiver disponível, use um pano limpo ou uma esponja feminina aplicada sobre a abertura e o osso.
Se possível, o cão deve ser imobilizado em uma prancha grande para transporte. 
(isso pode não ser muito fácil em um cão se ele não quiser)
Se o cão ainda puder usar três pernas, apoie as pernas traseiras com uma toalha sob o abdômen (com as extremidades unidas acima das costas) usada como um estilingue.


A fragmentação da fratura em casa sem a medicação para a dor aumenta muito o risco de ser mordida e pode, na verdade, piorar a fratura. 
Algumas fraturas, como fraturas da coxa ou do fêmur, não podem ser esfoladas. O melhor conselho é manter o cão quieto e calmo, proteger-se e dirigir-se diretamente a um hospital veterinário.

recuperação física em cães


O que não fazer
Não lave a ferida com soro fisiológico ou água, pois isso só arrisca a condução de contaminantes mais profundamente na ferida.
Nunca tente definir ou reduzir uma fratura ou tente empurrar um osso saliente de volta à posição.
Não dê medicamentos prescritos ou de venda livre ao seu animal de estimação, a menos que seja orientado por um veterinário.
Uma fratura, luxação ou entorse grave pode ser suspeitada quando o animal de repente aparece coxo em uma perna, ou suspende uma perna e não vai usá-lo.
Estes também podem ser suspeitados após qualquer queda importante ou lesão contundente. Os achados óbvios de um osso saindo de uma ferida (salientes) são raros. 
O que é mais comum é o ângulo ou deformação incomum da área fraturada e o inchaço.


O diagnóstico preciso requer o uso de radiografias, que geralmente devem ser tomadas com sedação ou anestesia para obter resultados mais precisos. 
Um raio-x é a única maneira de diagnosticar com precisão uma fratura.



grande parte do sucesso em evitar lesão esta na força dos músculos
manter seu cão ativo é a chave para este resultado

equipamento para exercício em cães

whats 41 987269100

41 33727306
petescadas@gmail.com





cão saltador e exercícios


Saltos de camas e sofás


rampas para cães em cama box


Prevenção de lesões em um cão 'saltador'

De um lado estão as lesões relacionadas ao salto que são as lesões por traumatismos de tecidos moles, que geralmente são menores que as ósseas. Os cães mais ativos que se exercitam ao ar livre tendem a machucar ocasionalmente. Não há muito o que você possa fazer para evitar esse tipo de lesão enquanto ainda permite que seu cão seja um cão.
No entanto, eu recomendo que você garanta que as áreas onde seu companheiro canino corre e jogue sejam seguras, contidas e livres de perigos. 

No outro extremo do espectro da lesão estão pernas quebradas, que tipicamente não são o resultado de exercícios normais ou mesmo vigorosos ou de alta intensidade.
As fraturas ósseas geralmente são causadas por um impacto súbito ou grande força no corpo, por exemplo, sendo atingidas por um carro ou caindo uma grande altura. 
Ossos quebrados são freqüentemente vistos em animais de estimação mais velhos e tomadores de risco excitáveis exemplo (pular da cama box).

placas de crescimento em cães

cães jovens também antes do fechamento das placas de crescimento
são propensos a formação de lesões imediatas e para um futuro
A melhor maneira de evitar que o seu animal quebre uma perna é garantir que ela esteja sempre sob seu controle, especialmente quando estiver ao ar livre evitando excessos. 
Em casa evitar provocar por excessos como pular de cama ou sofá.

ossos cães jovens

cães pequenos podem facilmente ter lesões por não estar com ossos e tecidos
totalmente constituídos

outros erros importantes é usar itens inadequadamente e de má qualidade como escadas tipo tubinho ou escadas com materiais moles tipo espumas

A grande maioria das lesões relacionados a pulos ocorrem em cães com pouca condição física


Lesões nas costas, discos com escorregamento e entorses, incluindo lesões cervicais, geralmente ocorrem em cães mal condicionados. 

Por exemplo, se o seu animal de estimação estiver dentro de casa durante a maior parte do inverno, seus músculos perderam o tônus muscular e ficaram atrofiados (perda de massa muscular). De fato, estudos mostram que, após apenas alguns dias, os músculos bem condicionados começam a perder o tônus ​​e a força.
Após quatro ou cinco meses de descanso durante o tempo frio, os músculos do seu cão enfraquecerão. Isso pode definir o cenário para uma lesão se o seu nível de atividade de repente salta significativamente durante os primeiros dias da primavera.

o mesmo processo acontece de forma natural quando um cão esta em convalescença
e na chagada da idade sênior para senil, naturalmente uma forte perda
de massa muscular se instala.

por esta razão é muito importante a participação do fisioterapeuta na pós cirurgia
e inicio da idade sênior

Com isso em mente os donos de cães tiveram que desenvolver formas de manter o cão ativo mesmo sem ter espaço e sem condições climáticas favoráveis
foi quando surgiram os osciladores, que são aparelhos para os cães se exercitarem sem usar grandes áreas 

exercício na neve para cães

Isso não é muito diferente de nossa atual condição de não poder sair a rua com nossos cães, não por climas extremos,
mas por não termos espaços disponíveis de sair a rua com nosso cão,
seja por segurança, trânsito ou falta de espaços físicos disponíveis assim como
disponibilidade de horário

como é necessária a recuperação muscular dos cães, 
 os osciladores já fazem parte deste novo ciclo nos dias atuais,

exercício para perda de peso em cães

oscilador para clinicas de fisioterapia

Ir de muito pouca atividade a uma explosão intensa de esforço físico é uma 
receita para a lesão. 
Portanto, se o seu cão tiver sido sedentário durante várias semanas ou meses, comece por melhorar gradualmente o seu nível de preparo físico antes de deixá-lo sair para um super condicionamento ou extenuante atividade.
Isso se aplica também aos cães que são "guerreiros de fim de semana". 
Eu vejo muitas lesões recorrentes em cães que se exercitam e jogam em alta intensidade com seus donos durante todo o final de semana, mas apenas nos finais de semana. De segunda a sexta-feira, muitos desses cães fazem pouco ou nenhum exercício além de caminhar até o quintal quando este ainda é disponível.

salto de cães
Preparar o seu cão com um aquecimento antes que ele se esforce também é muito importante. 
Caminhe e encoraje-o a alongar os membros antes de se exercitar mais intensamente. 
Isto é especialmente importante para cães idosos, mesmo em brincadeiras.
Muitos cães desenvolveram hábitos potencialmente arriscados ao longo de muitos anos (saltando dentro ou fora de veículos, subindo ou descendo várias degraus de uma escada de uma vez, pular de sofá ou cama, curvas em velocidade em pisos escorregadios, etc.) que devem ser remodelados para reduzir o potencial de lesões.
Consistência é essencial também. Seu cão deve fazer algum exercício todos os dias para que ele permaneça em boa condição física e seus músculos e ligamentos permaneçam fortes e resilientes. Isso irá mantê-lo apto e mais capaz de evitar entorses e outras lesões.
A quantidade de exercício necessária para manter o tônus ​​muscular é de no mínimo 20 minutos, três vezes por semana. Este é o mínimo, não o ideal. E à medida que os animais de estimação envelhecem, a quantidade de exercício que eles precisam aumenta. 
Minha sugestão é apontar para valores maiores, mas em clara realidade, poucas pessoas tem esta disponibilidade. 

Ter acesso a uma fisioterapeuta que ajude seu cão na recuperação muscular é o ideal, mas você pode também ter em casa ou no seu condomínio uma pequena academia, que ajude seu cão no condicionamento consulte sobre opções

exercícios também são uteis para redução de peso

trilha para perder peso em cães

equipamentos para clínicas

fisioterapia em cães


Evitando lesões no disco cervical e no pescoço

Lesões no colo e no pescoço são muitas vezes o resultado da deformação. Espero que você tenha treinado (ou esteja treinando) seu cão para caminhar ao seu lado e acompanhar em sua coleira. Mas até mesmo o cão mais bem treinado terá momentos em que ela pula repentinamente para frente, fazendo com que a coleira puxe bem contra o pescoço.

uso de coleira em cães

Quando seu cão pula para frente em excitação, ela tira toda a folga da coleira e aplica uma grande pressão através de seu colar no pescoço e na região cervical.
Essa pressão pode resultar em uma lesão no disco cervical ou em outros problemas no pescoço. Os sintomas podem incluir uma hesitação para mover ou abaixar o pescoço para comer ou beber e chorar quando a área da cabeça ou do pescoço é tocada. Ocasionalmente pode haver claudicação na perna da frente com este tipo de lesão.

Se seu cão é um puxador habitual e você não é capaz de melhorar seu comportamento na coleira - ou enquanto você trabalha para melhorar seus hábitos de coleira - eu recomendo mudar para um arreio de peito. Esses dispositivos alternativos distribuem uniformemente o peso corporal do seu cão pela contenção e aliviam a pressão no pescoço.

coluna dos cães

um grande número de cães tem anormalidades genéticas seja de formação de coluna, articulações, ossos ou patas, etc essas anormalidades são na maioria das vezes
facilitadores para lesões, observe atentamente seu cão

cães com coluna rebaixada

observe a coluna deste cão e a altura das patas dianteiras
a sua coluna esta naturalmente comprimida entre as vértebras,
qualquer força adicional pode gerar grave lesão


torções de coluna em cães
neste imagem temos a demonstração de uma coluna sadia
e as possíveis movimentos de lesão
coluna reta
coluna com movimento para cima para baixo
coluna com movimento lateral
coluna em giro

pular de locais altos como a cama box
é garantia de lesão
escadas para cães em cama box


A importância do exercício regular na prevenção de lesões relacionadas a pulos

Se os músculos das pernas do seu companheiro de quatro pernas estão enfraquecidos, seus tendões e ligamentos não são alongados e fortes, e seus músculos centrais não foram trabalhados e não podem fazer um bom trabalho segurando sua armação solidamente no lugar, uma súbita explosão de atividade, mesmo em casa pode criar o tipo de lesões discutidas acima.
Seu companheiro canino precisa da sua ajuda para manter uma boa saúde esquelética através de exercícios aeróbicos diários, consistentes e controlados, incluindo atividades que interajam com diversos grupos musculares e não causem lesões do próprio exercício. 

Nunca pegar um frisbee ou jogos de competição, não é o pular mais alto, correr mais rápido, é fortalecer com consistência e devagar.

                                               exercício em cães
Dependendo de onde você mora, é muito mais fácil manter seu cão em forma durante os meses de primavera e verão, mas seu objetivo deve ser mantê-lo durante todo o ano. 

Se você mora onde invernos desencorajam atividades ao ar livre, você precisará usar alguma criatividade para encontrar maneiras de ajudar seu cão a se manter ativo. 
  • Um parque para cães em ambiente fechado (também é uma ótima ideia se você vive em um clima onde os verões são muito quentes para exercícios extenuantes ao ar livre)

exercícios para cães pequenos

osciladores de fisioterapia

trilha para cães


Whats 41 987269100
41 33727306
petescadas@gmail.com