Cães TOY , microtoy

Cães TOY , microtoy

Petescadas com múltiplos degraus (7), ideal para cães pequenos (toys, microtoys, etc.) Leia mais

Rampas, Rampas especiais

Rampas, Rampas especiais

Rampa, Petrampa em L Projeto desenvolvido de uma rampa PETrampa com medidas e condições especiais. Leia mais

Quarto de casal

Quarto de casal

Como obter a melhor opção para manter seu filhote no quarto do casal com conforto e sem destruir a harmonia do ambiente. Leia mais

Cadeirinha para megaesofago

Cadeirinha para megaesofago

Petescadas desenvolveu uma peça extremamente leve, confortável para a permanência do cão por períodos longos. Leia mais

Cama box casal, medidas

Cama box casal, medidas

Uma solução inovadora surge para atender necessidades de locais com limitações de espaço. Leia mais

escada ortopédica para cães - o segredo revelado


escada ortopédica 


escadas ortopédicas para cães

A pressão sobre os joelhos dos cães não deve ser subestimada.
Os cães costumam subir e descer as escadas e têm efeitos a longo prazo nos 
membros e nas articulações lombares.
Com o tempo, isso causa lesões graves.

Sintomas do uso de escadas entre andares ao longo do tempo, e
quando aparece o resultado
4 anos: lesão nas articulações lombares ou dos membros
6-8 anos: disfunção das articulações lombares ou dos membros
Sintomas específicos: claudicação, pouca mobilidade, gritos por causa da dor, etc.

cão descendo escada

Para o uso de escadas para camas e sofás alguns cuidados são importantes 

1- a profundidade de degraus
2- a altura dos degraus
3- a instabilidade da escada

comprimento de escadas para cães
quanto mais comprida a escada mais estável e melhor para o cão visualizar
é importante que o cão possa visualizar para onde deve ir
e não só o infinito que termina induzindo ao pulo
para descer conscientemente deve ver o fim da escada e onde pisar


degrau curto- um grande problema

escada degrau curto para cães

difícil de usar, o cão tende a ficar de lado e a pular no meio do percurso

escadas de espuma para cães

o degrau curto (pouco profundo) dificulta a mobilidade do cão
ele não consegue dar o passo e com isso ele tende a pular no meio do percurso
ele usa a escada enviazado e tende a pular

degrau pouco profundo

o cão não consegue visualizar onde vai ter que pisar gerando uma
grande insegurança
ele vê o piso final, parecendo que tem uma grande altura a transpor
um salto no escuro
visão dos cães ao descer escadas

a baixa visibilidade do degrau onde vai pisar cria um estado de ansiedade,
quanto maior a profundidade do degrau mais tranquila a
descida pois o cão pode ver onde pisar

escadas para cães

este quadro representa bem o quanto é visível um degrau quando se modifica
a profundidade do degrau 

escadas degrau curto para cães

visibilidade de onde será o próximo passo é dificultada pelo 
tamanho do próprio degrau

escadas altas para cães


Degraus abertos


escadas entre andares

os cães são muito sensíveis e sentem medo em escadas de degrau aberto,
seja entre andares ou subindo em moveis cama ou sofá

escadas instáveis para cães

do piso não é possível ver com segurança onde vai poder pisar

Materiais Moles/instável


peso dos cães

os cães tem seu peso concentrado na parte dianteira, ao descer uma escada este
peso se acentua pois pende em direção ao solo, desequilibrando o centro de gravidade
do cão

Subir as escadas: 2 vezes o peso
Descer as escadas: 7 vezes o peso 
(onde as pernas da frente são carregadas com cerca de 60 a 70% do peso corporal)

escadas de espuma para cães

esta é a principal razão para nunca usar escadas de material mole
o peso se multiplica ao descer e quando se acrescenta velocidade aumenta
muito o peso total do cão em movimento

cão descendo escada correndo


nossos cães não descem lentamente e muito menos com cuidado

a concentração do peso na parte da frente somada com a inclinação
produz um forte desequilíbrio que deve ser contido

escadas entre andares

isso faz com que o cão tenha que exercer mais atenção e implementar força
por isso deve usar escadas e rampas de qualidade ortopédica
não deve usar escadas instáveis ou de materiais moles

o cão praticamente não consegue ter um movimento natural
pela baixa profundidade de degrau, ser muito mole e instabilidade do material

escadas de espuma para cães

material instável
esta é uma das principais razões de lesões e abandono de uso de escadas.
seja porque o material é mole demais, ou é instável demais como os itens de tubinho
que treme e balança, é quase uma batalha para o cão se
manter sobre a escada e sem cair

escada instável para cães

rampa tubiline


Mudar as coisas de lugar


cão pulando cama alta
isso é uma brincadeira mas serve para lembrar que o cão guarda na memoria
onde estão as coisas e realmente acontece, principalmente em piscinas e veículos onde a situação de retirar a escada do local pode ser bastante seria

cão pulando na cama

O Guard rail e sua função

guard rail pode ser usado tanto em escadas ou rampas ortopédicas,
tem a função de criar uma sensação de segurança e estabilidade,
tem um efeito muito próximo de um corrimão em uma escada de humanos

rampa ortopédica com guard rail

muito útil para cães medrosos, cães muito pequenos em camas altas, cães com ossos finos, cães com deficiência visual, cães que sobem juntos se empurrando, cães com doenças do labirinto, etc.

rampas ortopédicas cama box

acima a imagem fixa do guard rail, abaixo operação em vídeo




obesidade é um agravante


cães obesos

idade avançada aumenta os riscos

cães idosos

Cães com lesão, serio por agravare serio pois podem necessitar de anestesia

cães com lesão

cães com deficiência visual

mais comum do que a maioria das pessoas percebem
especialmente com o avanço da idade

cães com catarata

cães ao descer e subir escadas com deficiência visual sua capacidade de visualizar 
a escada é bastante difícil

petescadas tem todo tipo de escadas ortopédica para seu cão
seja para qualquer tamanho ou porte de cão e altura de cama

escadas ortopédicas para filhotes

solicite uma lista de itens para conhecer a linha e se encantar com as opções

escadas ortopédicas cães de grande porte

escadas independente do porte e peso do cão

escadas ortopédicas camas altas

escadas para camas altas

escadas veterinárias para cães

itens para filhotes

escadas sob encomenda para cães

itens especiais sob encomenda

rampas ortopédicas para cães

rampas de acesso a sofá e camas

escadas ortopédicas para cães



cão pulando do sofá
 não deixe seu animalzinho pular de moveis e cama e sofá
use somente escadas e rampas ortopédicas
subindo escadas com seu cão

evite escadas entre andares, pois no principio parecem inocentes

petescadas@gmail.com
41 33727306
41 987269100 



cães e a insuficiência renal



doença renal em cães

doenças renais em cães

O rim é um órgão que produz a urina e libera resíduos do corpo no processo de produção da urina e sua excretação. Também trabalha para regular a pressão sanguínea, produzir glóbulos vermelhos e fortalecer os ossos. Uma doença que impede que esse trabalho funcione corretamente é chamada de doença renal.

A doença renal é comum em cães e gatos mais velhos e, quando avançada, é fatal. 
O rim geralmente perde sua função gradualmente com a idade, mas, como é um órgão que não se regenera, é difícil recuperar a máquina perdida.

Portanto, é muito importante verificar regularmente o estado dos rins do cão para detectar a doença precocemente, e lidar com ela antecipadamente atrasará a progressão da doença e melhorará a qualidade e a vida da vida do cão. É claro que podemos fazê-lo.

Como funcionam os rins dos cães


Os rins do cão são um à esquerda e à direita, assim como os humanos, 
e têm a forma de favas.
Os rins é o local onde a urina é produzida, mas também é o local onde outras funções importantes são realizadas. Remove os resíduos do corpo com a urina

A função mais importante é
 "limpar o sangue removendo resíduos e excesso de água do corpo", 
e o rim desempenha um papel na separação de "necessário" e "desnecessário" 
do sangue. 

 O sangue flui para o rim e entra em um dispositivo de produção de urina chamado néfron.

 É filtrado com um filtro chamado glomérulo.

Verifica o conteúdo do material que passou pelo filtro e colete o que é necessário para o corpo.

 Itens desnecessários são retirados do corpo como urina.
Mantem o ambiente do seu corpo constante

O rim ajusta a quantidade de água no corpo (a quantidade de fluido corporal) e o equilíbrio iônico e absorve os minerais necessários. 
Este é um papel essencial na manutenção da vida.

Regular a pressão sanguínea dos cães


Deve-se tomar cuidado, pois a pressão alta é um risco de exacerbação da doença renal. 
O rim também tem a capacidade de regular a pressão sanguínea aumentando ou diminuindo a excreção de sal e água. 
Se esta função falhar devido a doença renal, pode ocorrer pressão alta. 
Então, a quantidade de sangue enviada aos rins diminuirá e as células renais serão danificadas pelo fluxo intenso de sangue, aumentando ainda mais a carga sobre os rins.


Produzindo sangue (glóbulos vermelhos)


glóbulos vermelhos em cães

O hormônio que produz hormônios secreta um hormônio chamado “eritropoietina” para aumentar os glóbulos vermelhos. Esta eritropoietina trabalha na medula óssea (o local no osso que produz sangue) para produzir glóbulos vermelhos. Quando a função renal diminui, a eritropoietina é menos secretada e os glóbulos vermelhos não são suficientes, o que pode levar à anemia.


Fortalecer ossos


O cálcio é necessário para fortalecer ossos e dentes! É bem conhecido, mas na verdade é o rim que produz o hormônio chamado "vitamina D ativa" que é necessário para ajudar a absorver esse cálcio.

doenças renais em cães


O que acontece se você tiver doença renal


O rim do cão é constituído por cerca de 800.000 "néfrons". 
O néfron desempenha um papel importante na filtragem de resíduos no sangue e na absorção da água necessária, mas diz-se que a doença renal é causada por esse néfron ser danificado ou quebrado. 

Basicamente, uma vez quebrado o néfron, ele não será regenerado. 
(Na insuficiência renal aguda, parte do néfron pode permanecer intacta e se recuperar.) 
Quando o néfron é quebrado pela metade, a outra metade o compensa. 
Porque em trabalho duro, neste ponto não há nenhum sintoma. 
No entanto, os néfrons sobreviventes se cansam gradualmente e, quando os néfrons restantes são reduzidos para cerca de 25%, os sintomas da doença renal aparecerão. 

Se a função renal continuar a declinar, ela entrará em um estado de "insuficiência renal". 
À medida que a insuficiência renal progride, os resíduos que devem ser excretados à medida que a urina se acumulam rapidamente no corpo, levando a um estado de "uremia". 
A deterioração pode causar convulsões e coma e resultar em morte.

Se você tiver uremia ...

Sintomas como os seguintes aparecem quando ocorre uremia. 
Necessita tratamento imediato, então leve-o ao hospital imediatamente.
  • Perda de energia e apetite
  • O pelo está quebradiço
  • Vômitos ou diarreia estão presentes e desidratados
  • Mau hálito como amônia
  • sai sangue da boca
  • A temperatura corporal está baixa
  • convulsões, coma

Insuficiência renal aguda e crônica


Para doença renal, há “lesão renal aguda (insuficiência renal aguda)” na qual a função renal diminui rapidamente devido a intoxicação etc., e “doença renal crônica (insuficiência renal crônica), onde a doença renal progride gradualmente ao longo do tempo. ) ". 

Na prática veterinária real, muitas vezes é difícil distinguir entre aguda e crônica no momento do diagnóstico, pois os cães costumam ir ao hospital após a deterioração de sua condição física.

Lesão renal aguda (insuficiência renal aguda)


Em um curto período de várias horas a vários dias, um estado em que a função renal diminui repentinamente é chamado de "lesão renal aguda". Chama-se insuficiência renal. 
Embora a incidência seja menor que a da doença renal crônica, é uma doença assustadora que pode levar à morte se o tratamento não for bem-sucedido, mas o diagnóstico precoce e o tratamento adequado podem restaurar a função renal.

Causas de lesão renal aguda (insuficiência renal aguda)


Existem três principais causas de lesão renal aguda.
Diminuição do volume de sangue

Por alguma razão, a quantidade de sangue que flui para os rins é drasticamente reduzida, impedindo os rins de melhorar a urina.

Ex) Desidratação grave causada por vômito, diarréia, etc., doenças cardíacas , sepse, choque (estado em que a pressão arterial cai acentuadamente devido a sangramento intenso, etc.)


Danos nos rins

venenos renais para cães

Ocorre quando o rim em si é subitamente danificado pelo envenenamento. 
Por exemplo, se o cão ingere uma substância tóxica para cães, como plantas liliaceae, remédios humanos e tinta contendo chumbo, a substância venenosa pode viajar para os rins e causar sérios danos aos rins. 

Além disso, infecções como leptospiras e anormalidades imunológicas podem causar danos, como inflamação dos rins e destruição de células renais.

Problema de descarga de urina


Se o trato urinário ( trato urinário, bexiga, uretra) estiver bloqueado devido a cálculos urinários, tumores, ruptura da bexiga, etc., e a urina não puder ser excretada do lado de fora, os rins ficarão inchados com a urina Isso se tornará perigoso. 

Se o entupimento puder ser resolvido mais cedo, ele se recuperará sem afetar o néfron, mas se o entupimento continuar, o néfron será gradualmente destruído.

Sintomas de lesão renal aguda


A lesão renal aguda geralmente resulta em morte se não for tratada adequadamente imediatamente. Se você tiver algum dos seguintes sintomas, entre em contato imediatamente com o hospital de animais.
  • vômito
  • O apetite e energia desapareceram repentinamente
  • O volume urinário diminuiu repentinamente (oligúria)
  • Sem urina (sem urina)

Como é diagnosticado a insuficiência renal com o veterinário?

cães com disfunção renal

Por meio de entrevistas, investigaremos detalhadamente, como apetite e micção, vômitos e diarreia, histórico de medicamentos e possível contato com substâncias tóxicas. É feito um exame físico para verificar desidratação, mau hálito (odor de amônia) e se os rins e a bexiga são anormalmente grandes ou rígidos. 

Se você suspeitar de doença renal no momento, será feito um exame de sangue para verificar se há alguma anormalidade no BUN (nitrogênio da uréia), creatinina, potássio, fósforo, etc. ou anemia. 

Além disso, os testes de urina verificarão a gravidade específica da urina (densidade urinária), a presença de diabetes e proteinúria e a presença de cristais. Uma radiografia abdominal e a ultrassonografia verificam se os rins são normais em tamanho e forma, simétricos e livres de cálculos urinários. 

Se houver pouca urina e os rins estiverem anormais nos exames de sangue, é possível determinar aproximadamente que você tem algum tipo de doença renal, mas o exame detalhado da causa afetará muito o tratamento subsequente. O Portanto, é importante identificar a causa do dano renal por meio de entrevistas cuidadosas e testes adicionais.


Tratamento de lesão renal aguda


O importante no tratamento da lesão renal aguda é remover o máximo possível as causas que pioram os rins e drenar a urina o mais rápido possível. Se não houver urina por vários dias, pode ser fatal, portanto a vida pode ser salva com vários tratamentos até que a função renal transitória seja restaurada.

Diz-se que mais de 10% dos cães e gatos com mais anos têm esta doença. Muitas doenças renais crônicas tendem a ser descobertas ultimamente devido à progressão dos sintomas graduais, e casos de visitas sérias ao hospital são evidentes.

Como as células renais não se regeneram uma vez destruídas, o objetivo do tratamento é manter as células renais normais. Infelizmente, não existem medicamentos para manter a função renal. Portanto, o tratamento é um tratamento sintomático para reduzir a carga sobre os rins, mas o método mais eficaz é a dieta. Existem vários pontos sobre a dieta de cães e gatos com doença renal.

Quando o volume de sangue está diminuindo


cães hepáticos

Como o corpo está desidratado devido a vômitos, diarreia, choque, etc., o tratamento principal é aumentar a água do corpo por infusão intravenosa. Espera-se que a instilação restaure a função renal e a produção de urina. Se a urina não sair mesmo após a instilação, pode ser administrado um diurético ou um medicamento que aumenta o fluxo sanguíneo renal (dopamina). 
Se o volume sanguíneo continuar diminuindo, o néfron será danificado, sendo necessário tratamento precoce.

Se seus rins estão danificados


Remova a causa dos danos nos rins. Por exemplo, se seu cão estiver tomando medicamentos que afetam os rins (como medicamentos anticâncer), pare imediatamente e, se suspeitar de uma infecção como a leptospira, dê antibióticos apropriados. Além disso, se você engolir acidentalmente uma substância tóxica para os rins, o tratamento como vômito, lavagem do estômago com um endoscópio ou administração de um adsorvente como carvão ativado é eficaz, mas após a ingestão Pode ser tarde demais ao longo do tempo.


Quando a urina não pode ser descarregada pelo cão


É importante drenar a urina que se acumulou no corpo o mais rápido possível. 
A cirurgia pode ser necessária. Além disso, se o potássio estiver anormalmente alto nos exames de sangue, podem ocorrer arritmia e parada cardíaca, portanto, tome medidas imediatas para diminuir o potássio. Além disso, se for observado vômito, é dado um medicamento antiemético ou estomacal. 

Se esses tratamentos não melhorarem, considere o tratamento de diálise, como diálise peritoneal e hemodiálise, mas as instalações que podem ser implementadas são limitadas, portanto consulte seu veterinário com freqüência.


A lesão renal aguda pode ser curada?


cães com lesão renal

Depende da causa e gravidade dos danos nos rins. 
Se a causa for detectada precocemente e o tratamento puder ser iniciado precocemente, a recuperação poderá ser esperada, mas nos casos em que o período de ausência de urina for longo, a morte geralmente ocorrerá em alguns dias. 
Além disso, é necessário cuidado, pois muitas vezes muda para doença renal crônica sem poder se recuperar.

Doença renal crônica (insuficiência renal crônica)?


Durante um período de vários meses a vários anos, uma condição na qual a função renal diminui gradualmente é chamada de “doença renal crônica”, em que um ou ambos os rins esquerdo e direito apresentam anormalidades que duram mais de 3 meses. Refere-se a isso. Quando alguns néfrons se quebram por algum motivo, outros se esforçam muito para compensá-lo e terminam por se quebrar. 

A doença renal crônica ocorre quando o número de néfrons trabalhando dessa maneira diminui gradualmente e a função dos rins diminui. 
Um estado de progressão da doença renal crônica é chamado de “insuficiência renal crônica” e um estado em que a função renal foi perdida é chamado de “insuficiência renal em estágio terminal”. 

A doença renal crônica é uma doença progressiva e, mesmo após o tratamento, os néfrons quebrados não retornam. 
No entanto, o diagnóstico e tratamento precoces podem melhorar a sobrevida e a qualidade de vida.

Insuficiência renal.
É a terceira causa mais comum de morte de cães após câncer e doenças cardíacas .

Causas de doença renal crônica


Várias doenças renais (glomerulonefrite, pielonefrite, tumores renais, doença renal hereditária etc.) podem ser a causa, mas muitas são desconhecidas. 
A lesão renal aguda descrita acima pode ser transferida para doença renal crônica.

O aumento da criação em ambientes fechados reduziu muito o estresse ambiental, como frio e calor.
A qualidade da comida para cães foi melhorada e refeições nutricionalmente equilibradas foram fornecidas.
Com o desenvolvimento da medicina animal, estão disponíveis tratamentos, prevenção, exames e medicamentos mais completos.

Os cães agora são reconhecidos como parte da família, em vez de animais e animais de estimação, tornando os cuidados veterinários mais acessíveis aos proprietários do que no passado.
Como resultado, muitos cães de vida longa foram diagnosticados com insuficiência renal.
Dado isso, a situação atual com um número crescente de cães com insuficiência renal não é nada estranha.

Sintomas de doença renal crônica

pelo de cão hepático

Os sintomas variam dependendo do estágio de progressão da doença renal. 
Inicialmente, não há sintomas. 
Quando a função renal é perdida para 25%, os seguintes sintomas podem ocorrer:
  • Maior frequência e volume de urina
  • Bebe muita água
  • Perda de apetite
  • perda de peso
  • Pelos brilhantes pioraram
  • Aumento de vômito e diarreia
Se progredir mais, os resíduos do corpo não podem ser descarregados o suficiente como urina, resultando em um estado de "uremia". Sintomas como vômitos freqüentes, diminuição do volume de urina, perda de energia e mau hálito, como amônia, podem ocorrer quando você sofre de uremia. 
No final, a urina pode não ser produzida e podem ocorrer convulsões e coma.

no passado
A fraqueza de um cachorro velho, antes considerada senil, agora é diagnosticada como insuficiência renal.
Esta não é uma crítica de que muitos cães idosos são diagnosticados com insuficiência renal.
É claro que não culpo a velha maneira de manter os cães que morreram como resultado do envelhecimento sem levar os cães magros ao hospital.

Diagnóstico de doença renal crônica


A maior parte da doença renal progrede e ai o proprietário nota os sintomas. 
Para detectar a doença em um estágio inicial, é muito importante realizar exames regulares de sangue e urina em cães que parecem saudáveis. Primeiro, é feito um exame físico para verificar se há alterações no peso corporal, condição do cabelo, desidratação e mau hálito. 

Um exame de sangue é então realizado para verificar se há algum resíduo ou anemia e se há um problema com o valor “SDMA”, que pode detectar lesão nos rins precocemente. Além disso, o exame de urina também é realizado para verificar quanta função renal esta prejudicada, verificando se a urina está adequadamente concentrada e se as proteínas da urina não estão vazando.

Além disso, medindo a pressão arterial, confirma-se se ocorreu pressão alta devido a doença renal e se outros órgãos são afetados adversamente. A doença renal é verificada principalmente por exames de sangue, com base nos resultados de vários testes. Como o tratamento necessário depende do grau de progresso e da situação, é muito importante determinar até que ponto está progredindo. 

A propósito, um teste chamado “biópsia renal” que remove o tecido renal é eficaz na identificação da causa, mas porque exige muito do cão porque ele recebe tecido por laparotomia etc., isso não é feito muito. É a situação atual.

Tratamento da doença renal crônica


Infelizmente, uma vez que os rins perdem sua função, eles não podem ser restaurados e não podem ser completamente curados. O principal objetivo do tratamento é encontrar a doença precocemente e progredir lentamente, e tornar o cão com doença renal o mais confortável possível.


Prepare ambiente de vida

cães bebendo água
 

Vamos preparar um ambiente onde você possa beber água fresca livremente a qualquer momento.

cães que moram em apartamento ou dentro de casa que tem normas e horários de fazer necessidades simplesmente devem ter estes processos abolidos


Tratamento dietético

alimentos para cães com disfunção hepática
Mude para uma dieta que restrinja fósforo, proteína e sódio. 
A terapia dietética é muito importante para a doença renal e é frequentemente recomendada desde o início.
ração hepática
existem rações de diversas marcas especificas para renal

Tratamento intravenoso

cães no soro

Na doença renal, a quantidade de urina aumenta e o corpo tende a se desidratar; portanto, uma infusão (reposição subcutânea de líquidos) é administrada sob a pele em um hospital ou em casa. 
Se a desidratação não melhorar, mesmo com a reposição subcutânea de líquidos, pode ser administrada infusão intravenosa no hospital.


Tratamento medicamentoso

cães tomando medicamentos

São administrados medicamentos que melhoram a pressão alta e a proteinúria, que aumentam a carga sobre os rins (inibidores da ECA, etc.). 
Além disso, "adsorventes orais" que reduzem o acúmulo de substâncias que causam uremia no sangue também são eficazes. 
A doença renal crônica é tratada principalmente com refeições, infusões e medicamentos.
A frequência das infusões e a quantidade de medicamentos são ajustadas de acordo com o grau de progressão da doença renal. 
Além disso, vários sintomas, como anemia e vômito, podem ocorrer à medida que a doença progride.Nesses casos, é comum tratar cada sintoma.

Sobre tratamento terminal


Na doença renal humana, o tratamento dialítico é comum, no qual o sangue é filtrado por uma máquina. No entanto, para cães, o risco de infecção é alto e é necessário o uso de anestesia e sedação para evitar movimentos durante a diálise, o que não é um tratamento importante no momento. 

Além disso, do ponto de vista ético, raramente é realizado o “transplante renal”, no qual um dos rins de dois cães saudáveis ​​é retirado e transplantado para um cão com doença renal. 
As instalações onde esses tratamentos estão disponíveis são limitadas; portanto, se você deseja obter esses tratamentos, consulte seu veterinário primeiro.


A doença renal crônica pode ser curada?


Infelizmente, não há cura completa. A taxa de progressão e a expectativa de vida variam de acordo com o tipo de doença que causa a doença e o grau de progressão, mas a detecção precoce da doença renal e o tratamento adequado prolongam o período de sobrevivência e melhoram a qualidade de vida do cão. Você pode melhorar os dias de seu cão.

cães com disfunção renal

Os cães são muito delicados em seus órgãos internos e dizem ter função renal particularmente fraca entre os mamíferos. Portanto, há uma característica de que é fácil contrair doença renal devido ao envelhecimento.

O que os proprietários devem pensar ao tratar


cães com insuficiência renal

A situação varia dependendo da velocidade da progressão da doença e da idade de início, mas dieta e infusão podem retardar consideravelmente a progressão da doença. 
Nesses casos, geralmente a doença renal chega ao fim da vida antes do final do estágio; portanto, se você deseja que seu cão viva mais, é importante dar-lhe um tratamento adequado.

Até onde devo ser tratado

A doença renal crônica geralmente ocorre em cães mais velhos, e muitos proprietários esperam não querer forçar o corpo do cão o máximo possível. Algumas pessoas podem pensar que seria melhor levá-las em casa do que levá-las a um hospital em que não são boas e deixá-las pingar por um longo tempo. No entanto, é certo que a infusão irá melhorar a circulação e facilitar o corpo do cão. 

Como continuará sendo difícil se você não administrar, o veterinário recomenda frequentemente aumentar o número de infusões o máximo possível. 

A doença renal crônica é caracterizada por nenhum sintoma em um estágio inicial. 
Por esse motivo, é muito importante efetuar uma verificação de saúde uma ou duas vezes por ano, mesmo para cães com uma aparência saudável, e fazer um check-up regular se forem diagnosticados com doença renal crônica.

Influência de pulos e saltos em cães com deficiência renal

Os cães mesmo com deficiência renal querem ter uma vida normal dentro de casa e querem ficar junto com a família como sempre foi anteriormente.

A petescadas surgiu justamente devido a um Maltes Tavinho (foto abaixo) com deficiência renal, como ele mesmo tratado não conseguia acompanhar seus maninhos para subir em camas e sofás, chorava incessantemente, e buscando soluções para ele foi com isso que surgiu a petescadas a mais de doze anos.

Usar uma escada ou rampa de qualidade ortopédica vai ajudar em muito seu cão a ter uma qualidade de vida perto da família.

é sempre bom relembrar que um cão com deficiência renal, não pode ter outras complicações como
lesões em ossos, articulações, nervos, tendões, etc e principalmente situações que envolvam anestesia ou medicamentos com forte princípios ativos, que podem danificar ainda mais seu organismo já debilitado.

escadas ortopédicas para cães com insuficiência renal

Use somente escadas e rampas de padrão ortopédicos, não use materiais moles, instáveis, rampas de alta inclinação, tecidos ou com degraus pouco profundos

solicite uma lista de itens para escolher a melhor opção para seu caso especifico


petescadas@gmail.com
41 33727306
41 987269100