Cães TOY , microtoy

Cães TOY , microtoy

Petescadas com múltiplos degraus (7), ideal para cães pequenos (toys, microtoys, etc.) Leia mais

Rampas, Rampas especiais

Rampas, Rampas especiais

Rampa, Petrampa em L Projeto desenvolvido de uma rampa PETrampa com medidas e condições especiais. Leia mais

Quarto de casal

Quarto de casal

Como obter a melhor opção para manter seu filhote no quarto do casal com conforto e sem destruir a harmonia do ambiente. Leia mais

Cadeirinha para megaesofago

Cadeirinha para megaesofago

Petescadas desenvolveu uma peça extremamente leve, confortável para a permanência do cão por períodos longos. Leia mais

Cama box casal, medidas

Cama box casal, medidas

Uma solução inovadora surge para atender necessidades de locais com limitações de espaço. Leia mais

bulldog e shih tzu e outros braquicefálicas


Infelizmente, algumas raças precisam mais do que amor incondicional.



cães pug


Muitas raças de cães têm características físicas exageradas, o que significa que não conseguem respirar, andar ou dar à luz normalmente. Muitos têm problemas crônicos e dolorosos de ouvido, pele e olhos. Esses problemas impedem que muitos cães tenham uma vida normal e confortável.

A procriação destas raças resulta da criação de "padrões de raça" de linhagem que se concentram na aparência, em vez de selecionar as características que são melhores para a saúde e o bem-estar dos cães.

Algumas raças como o Dachshund foram criadas seletivamente para ter proporções corporais anormais, como pernas desproporcionalmente curtas 
(conhecidas como raças condrodistróficas).

Algumas raças de cães têm grande dificuldade em dar à luz. Buldogues britânicos, franceses e Pugs são deliberadamente selecionados para uma cabeça grande, ombros largos e pelve estreita, o que significa que a cabeça e os ombros do filhote são grandes demais para se encaixar no canal pélvico da mãe, causando grandes problemas de parto.

A maneira como muitas raças como o bulldog britânico e Pug parecem hoje não é como sempre pareciam. Com o tempo, eles foram criados para ter características cada vez mais exageradas, que são realmente deformidades, causando sofrimento e uma baixa qualidade de vida

evolução do pug

O trauma ocular e a ulceração são frequentemente sofridos por cães com focinhos muito curtos, como Pugs, bulldogs britânicos e franceses. Quanto mais plana a face, mais baixa a órbita ocular e mais proeminente o olho. Olhos proeminentes e esbugalhados correm maior risco de lesões e, às vezes, saem de suas cavidades, causando dor intensa.


Como seus olhos são anormalmente grandes e salientes, suas pálpebras não podem fechar adequadamente sobre seus olhos. Isso seca os olhos e muitas vezes leva a úlceras oculares . 
Isso resulta em dor e potencial cegueira. 
Às vezes, o olho afetado precisa ser removido cirurgicamente. 
Essas raças têm uma condição médica formalmente reconhecida chamada 
Síndrome Ocular Braquicefálica.

Colocar 42 dentes em uma boca tão pequena pode ser um problema. 
Eu vejo muitos cães com dentes tortos e sobrepostos e muitos problemas na boca

arcada dentária cães


Cães braquicefálicos


 alguns termos técnicos relacionados com a forma do crânio e o que isso significa 
para o seu cão .

O que é um cão braquicefálico ?


Braquicefalia refere-se a uma forma plana e larga do crânio. 

Em cães, é o oposto ao formato do crânio de raças de nariz longo, como o galgo que é chamado dolichocephalia. 
A brachycephlic ( pronuncia-se ' brackee - cefálica ') crânio , portanto, parece que o crânio foi severamente comprimido de frente para trás. 
Em casos extremos, pode parecer que não há nariz presente  (veja as imagens do esqueleto abaixo).


tamanho do focinho de cães

Que raças têm essa conformação ?


Pugs são uma raça brachycephalic clássico


Raças que têm esta conformação crânio incluem: o 

  • Pug, 
  • Bulldog Inglês, 
  • Bulldog Francês, 
  • Cavalier King Charles Spaniel, 
  • Boston Terrier, 
  • Shih Tzu 
  • e Pequinês 
para citar os mais comuns.



Será que esta conformação representa qualquer ameaça para a saúde destas raças ?


Infelizmente, a resposta a esta pergunta é sim. 

Este formato do crânio dá a estes cães a característica da face achatada e nariz curto. Embora esta conformação faz com que pareçam extremamente bonito, uma característica que combina as grandes personalidades de muitas destas raças, também faz com que alguns problemas de saúde graves. 
Estes incluem a pele, olhos e problemas respiratórios e uma fraca capacidade de tolerar o calor.


Problemas de saúde relacionados com um cachorro sendo brachycephalic estão se tornando um problema mais significativo. 

buldog em cirurgia


Pressão genética tem sido aplicado ao longo de muitos anos para atingir versões mais extremas deste aspecto, mas isso tem sido, em detrimento do seu estado geral de saúde. Isso significa que nós estamos vendo essas raças mais cedo na vida com manifestações mais graves destes problemas de saúde. 



evolução do buldog


Se compararmos o formato do crânio e da aparência do Bulldog Inglês de hoje, com um crânio de uma mesma raça de 50 anos atrás, a mudança é bastante dramática. 

Cinqüenta anos atrás, o crânio era muito mais proporcional e havia um nariz óbvio. 
No entanto, hoje em dia , na maioria da raça os ossos nasais são extremamente curtos ou quase completamente ausentes.

ossos da face de cães

Notar em particular o extremo de encurtamento da cavidade nasal .
Imagem cortesia do Museu de História Natural , Bern


Como está a sua saúde afetada por esta conformação ?

problemas associados com raças braquicefálicas


Fendas profundas criados por dobras cutâneas criam um ambiente ideal para o crescimento de bactérias e leveduras.

(importante não ter contato com tecidos que absorvem sujidades, exemplo em escadas e rampas somente use materiais impermeáveis)



Pele: Com o crânio ficando mais curtos e mais plana há excesso de pele que cobre os ossos subjacentes. Esta pele é jogado para cima em dobras, especialmente ao longo da frente do rosto. A fenda profunda criada pela dobra cria um ambiente quente e úmido que estimula o crescimento de bactérias e leveduras. Estes podem, em última instância invadir a pele, causando infecção e inflamação. Embora os antibióticos e limpeza local e secagem pode ajudar, infecções recorrentes são comuns porque a causa subjacente não é removida.



Olhos : O achatamento do crânio faz com que as órbitas se tornem superficiais. 

Isto significa que o olho se projeta de forma significativa. 
Como resultado, a córnea ( superfície externa do olho ) está mais exposta o que torna mais provável que se torne seca e pode levar à ulceração ou trauma .


Sistema respiratório: Embora o crânio foi ficando cada vez menor ao longo do tempo, a quantidade de tecido mole no nariz e na garganta continua a mesma. 

Estes tecidos moles incluem o palato mole, cornetos ( cartilagem dentro do nariz ) e língua. Estes são todos amontoados em um espaço menor. 
Além disso, uma falta de ossos nasais subjacentes também faz com que as narinas a tornan-se muito estreitas, que aparecem como pequenas fendas em vez de furos abertos. 
A aglomeração desse tecido para dentro do nariz e da parte de trás da garganta obstrui o fluxo de ar através das vias aéreas superiores, o que pode conduzir a problemas significativos relacionados com a respiração. Isto provoca um problema clínico que é referido como Síndrome Braquicefálico superior das vias respiratórias obstrutivas - vulgarmente abreviado para BUAOS . 


este perfil tem frande dificuldade em cirurgia, anestesia, entubar, etc 

todo trabalho é complexo


temperatura de cães


tempo que o ar demora a passar na cavidade nasal, quanto maior mais tempo em contato mais calor retira, por ter um percurso muito curto, resfria muito pouco
os cães refrigeram o corpo pelas narinas e pela almofada das patas


Essas dificuldades respiratórias levam a um trabalho cardíaco mais importante. 

A conseqüência é o aparecimento de uma insuficiência cardíaca direta, que pode levar à morte do animal.

Veterinários descobriram que cães braquicefálicos, como buldogs e pugs, são cães de alto risco em gripe canina, com alto risco

vacine seu cão contra gripe

sobrepeso- corpo concentrado


buldog obesos

manter seu cão com baixo peso ajuda diretamente na saúde e geração de lesões


densidade da gordura


Quais são os sintomas em braquicéfalos?

Os sintomas são principalmente respiratórios: ronco, respiração rápida e barulhenta, intolerância ao exercício ou ao calor (falta de ar), dificuldades respiratórias ou até síncope nos casos mais graves.


Estes distúrbios respiratórios são frequentemente acompanhados por distúrbios digestivos: vômitos de alimentos ou espuma, regurgitação ...
Devido ao esforço que o cão deve fazer para respirar, seu coração está muito ocupado. 

O coração tenta constantemente preencher a insuficiência respiratória.


A longo prazo, os cães podem, portanto, ter insuficiência cardíaca direita.

Se os cães com essa síndrome não são tratados e acompanhados, sua expectativa de vida é bastante reduzida.



Fatores agravantes para cães braquicéfalos

Calor, umidade, estresse, excitação são fatores que agravam as dificuldades respiratórias.

Cuidado com o período de verão! Mantenha seus cães frescos o máximo possível e evite sobrecarregá-los no esforço.
 Melhor andar de manhã cedo ou tarde da noite, quando está mais quente.


nadar- estas raças não podem nadar com facilidade, Sua anatomia impede a dar braçadas para nadar.


coluna /rabo parafuso- hemivértebras
uso de coleira em cães
sua coluna normalmente possui hemivertebras impedindo ser tracionado,
assim como seu rabo parafuso que é parte da coluna


Narinas Estenóticas

Este é um nome sofisticado para narinas estreitas. A passagem respiratória do cão braquicefálico começa com aberturas nasais muito pequenas, muitas vezes do tipo fenda, para respirar. Isso leva a uma grande quantidade de respiração e respiração de boca aberta, pois a rota de respiração nasal é limitada por sua pequena abertura


focinho do buldog

 verifique a abertura das narinas de seu cão e converse com seu veterinário
narinas do buldog

Não utilize nunca forno de secagem após o banho. Depois de limpá-lo com uma toalha e deixar semi-seco, use um secador de cabelo para secá-lo com um vento de baixa temperatura.

como vimos muitos fatores são inerentes a raça, ou seja genéticos.
além disso todo cão tem os fatores naturais

exemplo patas tortas

raio x patas buldog

doenças da raça- shih tzu


Os Shih Tzus incluem condrodisplasia (ossos anormais), síndrome braquicefálica (dificuldade em respirar), cataratas, atrofia progressiva da retina (glaucoma, doença renal, pedras urinárias, alergias, doença do disco intervertebral, luxação da rótula, displasia do quadril canino (CHD) e doença da coagulação do sangue.

HEmivertebra em cães braquicefálicos



Hemivertebra são ossos da coluna com formato anormal. Devido à sua forma anormal, esses ossos tendem a não se alinhar corretamente com os ossos vizinhos da coluna. Isso pode levar à instabilidade e deformidade da coluna vertebral, que por sua vez pode levar a medula espinhal ou os nervos resultantes dela a serem esmagados e danificados. 

Isso causa dor - que pode ser intensa - oscilação (ataxia) nas pernas traseiras e também pode causar perda da função das pernas traseiras e incontinência (incapacidade de controlar a passagem de urina ou fezes). Parece que a doença é uma conseqüência da seleção para a conformação da cauda do parafuso (encaracolado) desta raça. O formato da cauda do parafuso é devido ao formato anormal dos ossos da cauda, ​​mas essa anormalidade também pode afetar outras partes da coluna, com sérias conseqüências, conforme descrito acima.

raio x coluna cães

A dor da compressão da medula espinhal (esmagamento) pode ser intensa. 
Os cães afetados também podem perder a função nos membros posteriores e, às vezes, perdem o controle da bexiga e do intestino. Nem todos os animais com hemivértebra  desenvolvem esses sinais; alguns têm sinais mais leves de ataxia ou nenhum sinal.

Cães com sinais graves podem precisar de intervenções cirúrgicas importantes, que têm seus próprios impactos no bem-estar e, apesar disso, alguns podem não se recuperar.


Cães jovens são mais comumente afetados quando os problemas associados às deformidades esqueléticas se desenvolvem à medida que o esqueleto cresce. 
A deformidade esquelética é permanente sem cirurgia. 
Os sinais clínicos associados à doença podem se desenvolver rapidamente ao longo de dias ou gradualmente ao longo de semanas e meses. 
Indivíduos gravemente afetados teriam, sem cirurgia, uma incapacidade grave permanente. Mesmo onde a cirurgia é possível, alguns animais podem ter níveis inaceitáveis ​​de incapacidade, necessitando de eutanásia.


Portanto, essa condição pode limitar severamente a qualidade e a duração da vida.


Os números exatos de animais afetados não são conhecidos, mas é considerado um problema comum em buldogues franceses e outras raças braquicefálicas (nariz curto) que possuem cauda de parafuso. 
A seleção de caudas de parafuso, causadas por vértebras deformadas, tem a consequência não intencional de causar deformidades mais altas na coluna vertebral. 
A cauda do parafuso descreve uma cauda que, em sua posição relaxada, é enrolada, geralmente para um lado. As caudas mais severamente afetadas não podem ser endireitadas, outras podem ser endireitadas manualmente, mas relaxam novamente na posição em espiral.


É feito um diagnóstico no exame e na radiografia (tirando imagens de raio-x).

hemivértebras em cães
A genética exata dessa condição ainda precisa ser elaborada; no entanto, os buldogues franceses são considerados predispostos às hemivértebras devido à característica de raça de uma cauda de parafuso. Pensa-se que o (s) gene (s) que causam a deformidade da cauda do parafuso (que envolve hemivértebras na cauda) esteja envolvido na produção de hemivértebras em outras partes da coluna vertebral.

Como você sabe se um animal é portador ou é provável que seja afetado?

Todos os bulldogs franceses são propensos ao problema porque a raça tem uma cauda de parafuso. O fato de um cão não ter hemivértebras só pode ser confirmado através da radiografia da coluna vertebral.
 perspectivas de eliminação do problema

Não se sabe, embora enquanto o padrão da raça inclua uma cauda de parafuso, a condição parece persistir. 
Parece provável, uma vez que a cauda do parafuso é causada por hemivértebras na cauda, ​​que se reproduzem em cães com caudas retas, a seleção de uma cauda reta pode ser um caminho a seguir para eliminar esse problema de bem-estar.

estes cães , tem contra si
-hemivértebras
patas tortas
patas curtas
peso compacto
dificuldade respiratória
dificuldade em usar anestesias

cabe ao dono os cuidados com um cão que precisa muito mais que amor
onde usar escadas e rampas de qualidade é um a prioridade
imagine uma queda de um cão com estas características

escadas para cães grandes

petescadas não tem limite de peso para cães e modelos
para toda altura de cama

escadas para cães braquicefalicos

escadas com alta profundidade de degrau, a mais estável
do mercado

escadas para buldog

observe que afunda no colchão e não afunda na Petescadas

escadas para braquicefalos

ajuste perfeito a passada do cão


escadas para camas altas

produtos para qualquer porte de cães

rampas para cães focinho achatado

rampas para sofá, exclusividade petescadas

escadas para cães gigantes

qualquer porte de cães


whats 41 987269100
41 33727306
petescadas@gmail.com




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...